Link bloqueado ou Site pode não ser seguro no Facebook

O que fazer quando o endereço do seu site é bloqueado pelo Facebook, quais medidas você deve tomar e como identificar o real motivo do bloqueio.

Você não pode publicar isso porque possui um link bloqueado.

Exemplos das mensagens exibidas no Facebook quando o site é bloqueado.

O conteúdo que você está tentando compartilhar inclui um link que nossos sistemas de segurança detectaram como inseguro.

Durante o envio pelo Chat:

O site pode não ser seguro / Você não pode publicar isso porque possui um link bloqueado.

Você não pode publicar isso porque possui um link bloqueado

Acreditamos que o link que você está tentando visitar é malicioso. para sua segurança, o bloqueamos.

Você irá receber essas mensagens ao tentar enviar o link/endereço/url do seu site para alguém pelo Chat, como mensagem ou compartilhamento em sua timeline.

Não se desespere pois existe uma solução para o problema.

É um pouco complicado e levará um tempo, contudo o quanto antes você tomar as medidas necessárias, melhor será.

Como desbloquear um link que foi bloqueado injustamente

Os bloqueios são realizados automaticamente pelo Facebook, por meio de ferramentas que monitoram os destinos dos links que são divulgados na plataforma.

Então é muito pouco provável que o bloqueio seja injusto pois realmente algo de errado foi encontrado em seu Site.

O que você tem que entender agora é o motivo do site ter sido bloqueado e como você pode resolver o problema.

Padrões da Comunidade

Um ponto importante a ser averiguado é você certificar-se que o seu site esta em conformidade com os Padrões da Comunidade adotados pelo Facebook.

Pois talvez o conteúdo dele seja improprio e não esteja de acordo com os padrões estabelecidos pelo Facebook, ocasionando o bloqueio.

A segunda opção é que talvez o seu site tenha sido invadido e esteja sendo utilizado por hackers para propagar vírus e anúncios.

Seu site foi invadido?

infelizmente o seu site foi invadido

Primeiro temos que tentar descobrir indícios de que o seu site foi invadido e o que está ocorrendo exatamente com ele.

Na maioria dos casos o proprietário do site descobre que o seu site foi invadido e está sendo utilizado para proliferar malwares, conteúdo improprio, anúncios, etc.. por causa do bloqueio realizado pelo Facebook, infelizmente já é tarde demais e você terá uma longa e árdua batalha pela frente.

As invasões de sites ocorrem não com intuito de danifica-lo ou tira-lo do ar.

A ideia por de traz das invasões são complexas, aonde o invasor tem o objetivo de gerar dinheiro com o site invadido e ele pode fazer isso de diversas formas sem que o proprietário do site note essa invasão.

Não vem ao caso tentar entender de que forma o seu site está sendo utilizado, temos que ter certeza que a invasão ocorreu e focarmos na solução para que o bloqueio seja removido.

Mãos a obra – Ferramentas

Clique no link abaixo e utilize a ferramenta indicada para procurar por indícios que o seu site foi invadido

Procure por malwares e vulnerabilidades em seu site gratuitamente

Outra ferramenta importante é o Google Safe Browsing: https://www.google.com/transparencyreport/safebrowsing/diagnostic/

Você também pode utilizar a propria ferramenta de Debug do Facebook para tentar identificar os possíveis motivos do bloqueio: https://developers.facebook.com/tools/debug/?ref=u2u

Google Search Console

Caso você suspeite que o seu site tenha sido invadido, talvez o Google já tenha descoberto isso antes mesmo que você.

Acesse: Este site pode ter sido invadido no Google – Como remover a mensagem

Realmente o meu site foi invadido e agora?

Antes de pensar em desbloquear o endereço do seu site no Facebook, você deve remover o código infectado.

Essa tarefa é complexa, requer muita experiencia e a utilização de ferramentas especificas para identificar o código infectado, remover o “backdoor” e restaurar o site.

Caso você não tenha nenhum domínio sobre essas técnicas, solicite o suporte da empresa aonde o seu site está hospedado e fique ciente que provavelmente eles terão que restaurar o seu site para uma versão antiga, salva em Backup.

Após isso você terá que contratar uma empresa especializada para identificar as possíveis brechas de segurança que estão no seu site e originou a invasão.

Alguns dos principais motivos:

  • Plataforma desatualizada
  • Código inseguro
  • Código / scripts instalado no site sem procedência.
  • Servidor e hospedagem invadido

Caso seu site utilize plataformas de CMS, como WordPress, Joomla, etc.. é importante que você as mantenhas atualizadas juntamente com os seus Plugins e temas.

 

Ajuda do suporte do FaceAds

facebook ads

Uma forma de conseguir mais informações sobre o bloqueio e como retira-lo é você impulsionando o seu site no Facebook.

Você terá problemas para impulsionar o site pois obviamente, o endereço dele está bloqueado, dessa forma você poderá contactar o suporte do FaceAds e solicitar uma ajuda.

É claro que para isso você terá que ter uma Fanpage e investir uma quantia.

Fique ciente que esse método não possuí nenhuma garantia, é apenas uma sugestão que encontrei em um fórum!

Uma solução temporária

Você pode utilizar o encutador de url do Google para continuar divulgando o endereço do seu site no Facebook.

Acesse: https://goo.gl/

Dessa forma o endereço final será “escondido”, com você irá utilizar a URL “encurtada” o Facebook não irá conseguir verificar se o site está bloqueado e você poderá envia-lo normalmente em todos os canais dentro da plataforma.

Essa é uma solução temporária e com o tempo o Facebook também irá bloquear a URL encurtada.

“Solicitando” o desbloqueio

Você pode acessar: https://www.facebook.com/help/contact/571927962827151

Nesta página você deverá justificar o por que de ser um erro o bloqueio do Facebook ao seu site.

Não é eficiente pois na propria página diz: Se você acha que cometemos um erro, informe para nós o motivo. Embora não consigamos analisar cada caso, os comentários fornecidos por você nos ajudarão a melhorar as formas que usamos para manter o Facebook seguro

Porém é  provável que o seu site realmente tenha sido invadido, então o primeiro passo e remover o código infectado e alterar as senhas (banco de dados), antes de solicitar uma revisão.

Politica do Facebook em relação aos bloqueios

Facebook é bem rígido em relação aos bloqueios que eles realizam.

Lembre-se de algumas coisas sobre seu bloqueio:
  • Bloqueios são temporários e podem durar de algumas horas a alguns dias
  • Não podemos cancelar o seu bloqueio por motivo algum

 

Conclusão

Você está perdido e não sabe como desbloquear o seu site no Facebook? Ou como identificar se o seu site realmente foi invadido? Faça um comentário com o endereço do mesmo que eu irei te ajudar.

Infelizmente temos pouca informação oficial sobre o assunto e como devemos proceder.

A “indiferença” do Facebook em diversos casos aonde o proprietário do site não possuí nenhuma culpa direta quando o seu site é invadido e bloqueado é notória.

Contudo temos que entender a quantidade de problemas que eles teriam que resolver caso eles criassem um canal de atendimento para isso.

Não esqueça de fazer um comentário, abraço!

Avalie este artigo!

Clique nas estrelas, para dar uma nota de 1 à 5.

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (1 votaram, média: 5,00 de 5)
Loading...

3 comentários sobre “Link bloqueado ou Site pode não ser seguro no Facebook

  1. Haha ótimo Roger, realmente você é o cara! Vou deixar anotado aqui para daqui alguns meses… que pela estrutura do conteúdo você vai atrair um monte de “como debloquear o facebook na empresa”.. Já estou até vendo! kkkkkkkk
  2. me ajude por favor meu blog foi bloqueado e estou perdendo contatos importantes como faço para saber se ele foi invadido? preciso que ele seja desbloqueado o quanto antes, existe alguma forma de agilizar esse processo? telefone para ligar? estou desesperada
    1. quando tento enviar o link pelo face: acreditamos que o link que você está tentando visitar é malicioso. para sua segurança, o bloqueamos.

Dúvidas? Faça um comentário logo abaixo ou envie uma mensagem clicando aqui.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *